Graduação Pós-Graduação Pesquisa Extensão Biblioteca Intercâmbios Comunicação A FFLCH  
Skip to Content

Boletim Acontece na FFLCH-USP nº 220

 

Curso e Mostra de Filmes: "50 Anos do Golpe: Legados da ditadura que moldaram o Brasil contemporâneo"

 

Curso
27.02 - A repressão na cidade e no campo: os trabalhos da Comissão da Verdade.
06.03 - Transição e justiça.
13.03 - O empresariado e a ditadura (quem encomendou o serviço).
20.03 - Partidos políticos e transição na América Latina.
27.03 - Cinema e transição.
03.04 - A atualidade da violência de Estado: uma transição desenhada para não terminar.

Mostra de Filmes
26.02 - Você também pode dar um presunto legal, de Sérgio Muniz.
12.03 - Cidadão Boilesen, de Chaim Litewski.
19.03 - Rua Santa Fé, de Carmen Castilho.
26.03 - Corpo, de Rossana Foglia e Rubens.
26.03 - Blablablá, de Andrea Tonacci.
02.04 - Branco sai, preto fica, de Adirley Queirós.

27.02 a 03.04 (Curso) e 26.02 a 02.04 (Mostra de Filmes) | 19h30 | Programação

Informações: 3091-3753

Local do Curso: Auditório da Geografia. Av. Prof. Lineu Prestes, 338, Cidade Universitária, São Paulo.
Local da Mostra de Filmes: Sala 8, Prédio de Filosofia e Ciências Sociais. Av. Prof. Luciano Gualberto, 403, Cidade Universitária, São Paulo.


Seminário Internacional: "Partisan Logic of Women's Suffrage" com o Prof. Adam Przeworski

 

Seminário Internacional promovido pelo Centro de Estudos da Metrópole e pelo Programa de Pós-graduação em Ciência Política/USP traz Adam Przeworski, professor da Cátedra Carroll and Milton Petrie de Estudos Europeus e de Política e Economia da Universidade de Nova Iorque.
 
O paper da apresentação já está disponível nos websites do CEM e do DCP/USP-  Partisan Logic of Women's Suffrage, por Adam Przeworski, Kong Joo Shin, and Tianyang Xi.
http://www.fflch.usp.br/centrodametropole/upload/aaa/630-women_suffrage_012714.pdf

Abstract
Women voted at rates lower than men in all the Örst elections that followed their enfranchisement before 1945. This observation may seem innocuous but it suggests something important about the reasons suffrage was extended to women, specifically, that these extensions may not have enjoyed widespread support among women themselves. This fact is consistent, in turn, with an explanation in which suffrage was strategically extended by male party leaders in pursuit of their electoral goals. We develop a model which implies that male politicians extend suffrage and women to vote at low rates when party leaders believe that (i) the support for their suffrage among women for suffrage is not too low and (ii) this support is concentrated among the partisan opponents of the extending party. The Örst point is banal but the second, we believe, is novel.

* Aberto a todos os interessados sem necessidade de inscrição prévia

SEG | 10.03 | 18h às 22h | Programa

Prédio da Ciências Sociais, sala 14, Av. Prof. Luciano Gualberto, 315, Cidade Universitária, São Paulo.

 

Curso de pós-graduação (História Social): Migração e Mobilidade no Mediterrâneo Antigo, Prof. Greg Woolf (Saint Andrews)

 

O Laboratório de Estudos sobre o Império Romano e o Mediterrâneo Antigo (LEIR-MA) gostaria de convidá-los para o curso de pós-graduação que será ministrado pelo Prof. Greg Woolf (University of Saint Andrews) no Programa de Pós-Graduação em História Social da USP.

Ministrante: Prof. Greg Woolf (University of Saint Andrews)

Para mais informações: http://www.st-andrews.ac.uk/classics/staff/gdw2/
 

Título: Migração e Mobilidade no Mediterrâneo Antigo. Realidades demográficas e Implicações culturais

Local: Departamento de História – USP

Dias e horário: 10 a 12 de Março, 09h às 13h

 Ementa: O estudo da mobilidade humana e das culturas diaspóricas está atualmente no topo das prioridades dos cientistas sociais por uma variedade de razões. A consciência dos efeitos da globalização, o interesse por experiências pós-coloniais, a crescente percepção de que a espécie humana é altamente móvel, e o uso de uma gama de técnicas, da classificação do DNA mitocondrial à análise de isótopos estáveis para o mapeamento de deslocamentos na antiguidade contribuíram para tornar este debate acirrado. Para historiadores da antiguidade clássica isso se manifestou no ensaio impressionístico de Hordern e Purcell, o trabalho demográfico de Scheidel, De Ligt e seu professor Keith Hopkins, além de numerosos projetos arqueológicos. O objetivo deste curso é explorar o estado atual da questão, investigando no que é que um melhor entendimento da mobilidade humana e da cultura diaspórica tem a contribuir para nossa visão da cultura antiga.

Para mais informações, por favor escrevam para carmachado@usp.br ou leir.ma.usp@gmail.com ou visitem http://leir.fflch.usp.br/

Para inscrições: spghisto@usp.br

Esta atividade é patrocinada pelo Programa de Pós-Graduação em História Social e pela Pró-Reitoria de Pós-Graduação da USP

 

Curso Teatro e Resistência: Dramaturgia dos Anos de Chumbo - Panorama Histórico 1968-1979 (Módulo III)

 
Promovido pelo Núcleo de Estudos de Teatro Décio de Almeida Prado, do Centro Ángel Rama, o curso "Teatro e Resistência: Dramaturgia dos Anos de Chumbo - Panorama Histórico 1968-1979 (Módulo III)" será ministrado pela Profa. Dra. Maria Sílvia Betti (Departamento de Letras Modernas), às segundas-feiras, a partir do dia 10 de março, das 18h30 às 21h, na sala 172 do Prédio de Letras (Av. Prof. Luciano Gualberto, 403, Cidade Universitária, São Paulo).
 
O curso é isento de taxas e as inscrições estarão abertas até o dia 7 de março, ou enquanto houver vagas. Os interessados devem enviar mensagem com nome completo para carama@usp.br 
 
(Observação: alunos que não cursaram os dois módulos anteriores também poderão matricular-se).
 
Início: 10/3/2014
 
Término: 30/6/2014
 
Público-alvo: alunos de graduação e pós, professores e alunos das redes públicas de ensino, membros da comunidade USP e interessados em geral.
 
Certificados de participação serão concedidos mediante a frequência mínima de 85% às aulas.
 
Objetivos: Introduzir, contextualizar e discutir as formas pelas quais a dramaturgia brasileira do período compreendido entre 1968 e 1979 representou as perspectivas de luta contra a ditadura militar.

 

Curso Fundamental: "De Freud a Lacan", no Instituto da Psicanálise Lacaniana - IPLA

 

O Prof. Dr. Alain Marcel Mouzat, docente do Departamento de Letras Modernas da FFLCH (Francês), convida para o curso Fundamental De Freud a Lacan, promovido pelo Instituto da Psicanálise Lacaniana - IPLA.
 
O curso visa, em um ano, traçar o percurso conceitual e clinico da psicanálise desde a sua invenção por Sigmund Freud até a segunda clínica de Jacques Lacan. Para tanto,  é estruturado em quatro bimestres, dois dedicados à primeira e à segunda tópica freudiana, e dois dedicados à primeira e à segunda clinica de Jacques Lacan.
 
Aulas  às segundas-feiras, das 19:30h às 21h.
 
Inicio: 10 de março
 
As inscrições devem ser realizadas por telefone (11) 3061-0947 ou 3081-6346. Valor: 12 parcelas de R$ 299,00. O IPLA está localizado no endereço: Rua Augusta, 2366, casa 2, São Paulo.
 

 

Próximas Defesas:

 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 


* A programação de eventos, defesas de mestrado e doutorado da FFLCH está disponível em http://fflch.usp.br/calendar/2014