Graduação Pós-Graduação Pesquisa Extensão Biblioteca Intercâmbios Comunicação A FFLCH  
Skip to Content

Seminário: Complexidade Socioespacial e Subjetividades Emergentes na Periferia Urbana

Data do Evento: 
qua, 03/05/2017 - 17:30 - 19:30
O Centro de Estudos da Metrópole promove na quarta-feira, 03 de maio, às 17h30, no prédio de Filosofia e Ciências Sociais (sala 08), o seminário "Complexidade Socioespacial e Subjetividades Emergentes na Periferia Urbana", que será dirigido pelo pesquisador Matthew Richmond.
 
Resumo: Durante as últimas duas décadas as periferias urbanas do Brasil têm se tornado cada vez mais socialmente heterogêneas e espacialmente complexas. Essas tendências se devem às transformações sociais e económicas estruturais, à implementação de diversas políticas públicas oriundas de diferentes níveis de governo, e à influência crescente de uma gama de atores não estatais, como as ONGs, as igrejas, os movimentos sociais e culturais, e os grupos armados. Apresentando os resultados de uma pesquisa etnográfica realizada num bairro periférico da Zona Leste de São Paulo, este seminário pretende explorar a questão de como a formação de subjetividade dos moradores periféricos se desdobra no contexto de tal complexidade socioespacial.
 
Biografia de Matthew Richmond: Pós-doutorando no CEM, com bolsa da FAPESP. Ele é PhD em Geografia pelo King’s College de Londres, com mestrado em Ciências Sociais pela University of Cambridge e graduação em História, pela London School of Economics. Também trabalhou por dois anos como Consultor de políticas públicas urbanas no Reino Unido. Sua área de pesquisa abrange a governança urbana, as dinâmicas de transformação social e econômica, e a formação de subjetividades nas metrópoles contemporâneas.
 
Aberto a todos sem necessidade de inscrição prévia.
 
QUA | 03.05.2017 | das 17h30 às 19h30 | convite
 
Prédio de Filosofia e Ciências Sociais (sala 08). Av. Prof.  Luciano Gualberto, 315, Cidade Universitária, São Paulo