Graduação Pós-Graduação Pesquisa Extensão Biblioteca Intercâmbios Comunicação A FFLCH  
Skip to Content

história atlântica

Rafael de Bivar Marquese

Aposentado: 
Não
Departamento: 
História
Email: 
Linhas de Pesquisa: 
História da América Colonial
Escravidão e História Atlântica
Paisagens da cafeicultura escravista nas Américas, c.1760-1880
Uma história compartilhada: a ideologia pró-escravista no Brasil e em Cuba, c1790-1870
The World of the Plantation and the World the Plantations Made: the Great House Tradition in American Landscape
Laboratório de Estudos sobre o Brasil e o Sistema Mundial
Observações: 

Possui graduação (1993), mestrado (1997) e doutorado em História Econômica pela Universidade de São Paulo (2001). Livre-docente em História da América Colonial (2012). Professor do Departamento de História da FFLCH/USP, e coordenador (com João Paulo Garrido Pimenta) do Laboratório de Estudos sobre o Brasil e o Sistema Mundial (Lab-Mundi) na mesma instituição.

Marina de Mello e Souza

Aposentado: 
Não
Departamento: 
História
Linhas de Pesquisa: 
História da África
História Atlântica
A África no Brasil e o Brasil na África
Dimensões do Império português
Estudo de Folclore
Cultura Popular
Projeto Artesanato Brasileiro
Dimensões do Império Português: investigação sobre as estruturas e dinâmicas do antigo sistema colonial
Observações: 

Possui graduação em Ciências Políticas e Sociais pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (1981), mestrado em História da Cultura pela mesma universidade(1993), doutorado em História Social pela Universidade Federal Fluminense (1999) e livre-docência em História da África, época moderna, século XVI - início do XIX (2012). Desde 2001 é professora do Departamento de História da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo, atuando na graduação e na pós-graduação. Atualmente dedica-se à história da África centro-ocidental nos séculos XVI-XVIII, com atenção especial aos temas ligados à presença do catolicismo entre os povos centro-africanos e suas articulações com o comércio e com as organizações políticas. Coordenada o Núcleo de Apoio à Pesquisa Brasil-África da USP. Tem trabalhos na área de cultura popular e cultura afro-brasileira, especialmente ligados às festas e cultura material. (Texto informado pelo autor)

Divulgar conteúdo